Barra do Garças – MT – 22 de maio de 2024
Barra do Garças – MT – 22 de maio de 2024

Athletico 100 anos: Rony, o cambalhota

Historicamente, pode-se dividir em quatro tipos as contratações que o Athletico faz. Os grandes medalhões a peso de ouro geralmente dão errado. A chegada sem alarde de nomes que estavam fora do radar da concorrência (muitas vezes dão muito certo). 

Há também as “novelas” em que o clube quase sempre vence a negociação pelo cansaço e ainda as apostas em jogadores que estão fora do mercado por sua situação jurídica, contratual ou pessoal – e mesmo assim o CAP compra a briga.

A chegada de Rony ao Furacão em 2018 foi uma soma das três últimas tipologias. Antes de acertar com o Athletico, o atacante chegou a vestir a camisa de outro clube que desistiu, pois o Albirex Nigata, que tinha seus direitos, prometia melar a negociação.

A treta era forte e o Furacão entrou na jogada. Depois de muita trocação com os japoneses, o Athletico conseguiu a liberação da Fifa e pôde registrar Rony em agosto de 2018. Foi a bronca mais bem comprada da nossa história.

Entre sua chegada e janeiro de 2020, o atacante jogou muita bola. Disputou 73 partidas, marcou 13 gols e ganhou três títulos pelo clube: a Sul-Americana, a Levain Cup e a Copa do Brasil, onde foi peça fundamental. Depois, Rony foi vendido por um bom dinheiro e o CAP chegou a levar um transfer ban da FIFA durante a pandemia, mas o imbróglio foi resolvido pelos advogados do clube.

Tudo valeu a pena, pois em 18 de setembro de 2019 a cambalhota com que Rony comemorava seu gols, coroou o título da Copa do Brasil no Beira-Rio e a jogada mais bonita dos 100 anos do Athletico.

Veja também:

Rony, o cambalhota 

Rony, o cambalhota 

CEO explica projeto de reformulação do Couto Pereira e novo CT

CEO explica projeto de reformulação do Couto Pereira e novo CT

Mercado da bola: veja as negociações desta segunda-feira (19)

Mercado da bola: veja as negociações desta segunda-feira (19)

CEO do Coritiba se pronuncia sobre torcedores proibidos de entrar no Couto

CEO do Coritiba se pronuncia sobre torcedores proibidos de entrar no Couto

umdoisesportes

Últimas notícias

Gostou? então compartilhe!