Barra do Garças – MT – 17 de abril de 2024
Barra do Garças – MT – 17 de abril de 2024

Mulher é presa após achar caixa e comercializar produtos em Mirassol D’Oeste


Uma mulher suspeita de se apropriar e comercializar produtos infantis pertencente a outra pessoa foi presa em flagrante pela Polícia Civil, nesta sexta-feira (09.02), em ação realizada pela Delegacia de Mirassol D’Oeste. A mulher responderá a Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por crime de apropriação de coisa achada.

As investigações iniciaram após a vítima procurar a Delegacia de Mirassol D’Oeste relatando que é representante comercial e estava em deslocamento para cidade de São José dos Quatro Marcos, quando uma das caixas com produtos infantis que transportava foi extraviada, entre a região do Cacho e a cidade de Mirassol.

Posteriormente ao fato, a vítima recebeu informações de que uma mulher moradora do distrito de Sonha Azul estava vendendo os produtos infantis da sua caixa e que ela estava na frente do Fórum de Mirassol D’Oeste com alguns dos seus pertences.

Diante das informações, os policiais iniciaram as diligências conseguindo realizar a abordagem da suspeita, que questionada, confessou que achou a caixa, próximo ao distrito de Sonho Azul. Em continuidade as diligências, os policiais seguiram para o distrito, onde conseguiram recuperar a mercadoria apropriada de forma ilícita em duas residências distintas.

Após apreensão dos produtos, a mulher foi conduzida à Delegacia de Mirassol D’Oeste, onde após ser ouvida, assinou o Termo Circunstanciado de Ocorrência por apropriação de coisa achada, sendo posteriormente liberada para responder perante a Justiça.

Fonte: Policia Civil MT – MT




rewrite this content and keep HTML tags

Uma mulher suspeita de se apropriar e comercializar produtos infantis pertencente a outra pessoa foi presa em flagrante pela Polícia Civil, nesta sexta-feira (09.02), em ação realizada pela Delegacia de Mirassol D’Oeste. A mulher responderá a Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por crime de apropriação de coisa achada.

As investigações iniciaram após a vítima procurar a Delegacia de Mirassol D’Oeste relatando que é representante comercial e estava em deslocamento para cidade de São José dos Quatro Marcos, quando uma das caixas com produtos infantis que transportava foi extraviada, entre a região do Cacho e a cidade de Mirassol.

Posteriormente ao fato, a vítima recebeu informações de que uma mulher moradora do distrito de Sonha Azul estava vendendo os produtos infantis da sua caixa e que ela estava na frente do Fórum de Mirassol D’Oeste com alguns dos seus pertences.

Diante das informações, os policiais iniciaram as diligências conseguindo realizar a abordagem da suspeita, que questionada, confessou que achou a caixa, próximo ao distrito de Sonho Azul. Em continuidade as diligências, os policiais seguiram para o distrito, onde conseguiram recuperar a mercadoria apropriada de forma ilícita em duas residências distintas.

Após apreensão dos produtos, a mulher foi conduzida à Delegacia de Mirassol D’Oeste, onde após ser ouvida, assinou o Termo Circunstanciado de Ocorrência por apropriação de coisa achada, sendo posteriormente liberada para responder perante a Justiça.

Fonte: Policia Civil MT – MT



Últimas notícias

Gostou? então compartilhe!